Total de visualizações de página

quinta-feira, 1 de novembro de 2012


É preciso transformar a vida em canção
Deixei a estranha rota, carregada de amor e de dor
e que de tanto se dar, se perdeu no meio do caminho.
Abracei a vida generosa e , em outro ritmo e outra
harmonia toco na essência da alma , deixo-me levar pela bem-aventurança, intacta e purificada . Inicio, não sem esperança, essa nova dança da vida abrigada pelo impulso de um sonho alado.
*Autor desconhecido*

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário